6 coisas que você não deve fazer no Facebook

6 coisas que você não deve fazer no Facebook

Você sabe tudo que não deve fazer no Facebook? Você usa bem as mídias sociais?

Não passo sequer um dia sem ouvir alguém refletir sobre como ficaram emocionalmente abalados por algo postado do Facebook. Na maior parte das vezes, são emoções negativas: ciúmes, competição, culpa, sentimento de rejeição ou exclusão.

Mídias sociais são poderosas para conectar familiares, amigos, conhecer novas pessoas, mas têm seu lado sombrio. Se você já teve sentimentos de tristeza, ciúmes ou raiva por causa de interações no Facebook, saiba que não está só.

Os maiores perigos impactam especialmente nos relacionamentos, quer seja de amizade ou românticos.  Abaixo seguem 6 regrinhas do que você não deve fazer no Facebool:

1. Não use o Facebook para espionar seu amor

Quando você está sentindo insegura no relacionamento, é fácil cair na tentação de espionar o parceiro. Algumas pessoas vão além da inocente “olhadinha” nas fotos postadas e entram na conta do outro para ler suas mensagens particulares. Independente de questões morais e éticas, o resultado é sempre ruim. Espionar a vida alheia só vai aumentar suas desconfianças e inseguranças iniciais. Lide com seus assuntos de relacionamento de outra maneira – talvez uma terapia ou uma conversa franca com o parceiro. Dão mais trabalho do que o clique de um mouse, é claro, mas também têm resultado bem mais consistente e duradouro.

2. Não use o Facebook para comparar sua vida às vidas dos outros.

Outro exemplo do que você não deve fazer no Facebook – mas quase todo mundo faz. Quem nunca viu fotos de amigos (que devem ter todo o dinheiro do mundo para se divertir) em lugares paradisíacos e sentiu uma pontinha de inveja ou ciúmes? No mundo do Facebook, basicamente ninguém nunca parece ter um dia ruim. Pode ser bem divertido olhar fotos dos amigos, de vez em quando. Mas quando isso se torna um hábito, é  fácil sentir que sua vida é normal e sem graça quando comparada à de seus amigos. Afinal, a grama do vizinho sempre parece mais verde que a nossa. O conselho é nunca comparar seus bastidores com o palco de alguém. Se isto está se tornando uma obsessão, pare de usar o Facebook por uns dias. Faça outras atividades divertidas, interessantes, sem postar minuto a minuto do seu dia. Isso vai te distrair e te fazer menos interessado na vida dos outros.

3. Você não deve usar o Facebook para atacar outras pessoas

Mídias sociais não são lugares apropriados para se lavar roupa suja. Se você tiver ímpetos de atacar, humilhar ou pegar no pé de alguém, é hora de sair e encontrar outra coisa para fazer.  Você não quer ver  perpetuado na internet algo que disse num momento de descontrole  emocional ou a exposição de seus problemas pessoais. Se você sentiu atacado, ignore a ofensa, como se não tivesse entendido. Nada irrita mais o ofensor que o silêncio. A  regra de ouro é: o que você não gostaria de ver impresso na primeira página de um jornal, você não deve postar no Facebook. Ultimamente temos visto relacionamentos de anos estremecidos por causa de ânimos exaltados por opção política ou de time de futebol. Alguns ultrapassam a fronteira do direito de liberdade de expressão e atacam quem pensa diferente. Desnecessário dizer que política e jogo de futebol são muito mais efêmeros e menos valiosos que uma amizade.

4. Não mantenha conversas pessoais importantes através do Facebook

A palavra escrita é muito facilmente mal interpretada. Nem sempre é possível compreender a intenção do outro quando você lê alguma coisa,  porque falta a entonação de voz, a linguagem corporal e outros atributos que nos permitem manter uma boa conversa com intencionalidade. Quando você se sentir ofendida ou mal interpretada pelo comentário do outro, faça uma DR  offline, no velho estilo cara a cara.

5. Não rastreie as pessoas pelas quais se sentir atraída.

Esta regra se aplica a todos amorosamente disponíveis. Há até um verbo para este comportamento invasivo: “stalkear”, que só vai reforçar qualquer insegurança que você porventura já tenha, além de reduzir sua autoconfiança e nível de felicidade. Espere que o outro te conte espontaneamente sobre a vida dele, saia, se divirta, conheça pessoas.

6. Não escreva nada sobre si mesmo que possa depor contra você em outro contexto

Mídia social não é diário de bordo. Convivemos com grupos diferentes de pessoas e a cada um reservamos uma parte de nós. No Facebook toda informação é comum para amigos, conhecidos, pessoas do bem e do mal. Se uma foto sua bêbada numa festa de amigos pode ser percebida como “divertida” entre eles, garanto que seu chefe ou alguém que esteja pensando em te contratar não tem a mesma impressão. Muitas empresas admitem  que observam o perfil do candidato que pleiteia uma vaga para obter mais informações antes das contratações. Fotos têm sido utilizadas em tribunais como provas de estilo de vida abundante ou má conduta, especialmente em processos litigiosos de divórcio. Na dúvida, é melhor preservar os lados mais íntimos de sua personalidade para as pessoas certas.

Leia mais sobre o que você não deve fazer no Facebook aqui O que você não deve fazer no Facebook

Conheça os e-books para download gratuito

Como Encontrar o Amor na Maturidade

Melhores lugares para conhecer homens interessantes

Fórmula do Amor – Você, Pronta para ser Feliz

Recomendamos Também